“Estamos perdendo nossa capacidade de ouvir e de compreender os outros”: TED Talk de Julian Treasure (VÍDEO)

“É um problema sério o fato de estarmos perdendo a nossa escuta, porque ouvir é nosso acesso à compreensão: a escuta consciente sempre cria a compreensão“, diz o estudioso de som Julian Treasure nessa inspiradora e reveladora palestra no TED Talk, “5 Maneiras de Ouvir Melhor“, gravada em julho deste ano (vídeo com legendas em português abaixo). Com a ajuda de som gravado e dando 5 dicas de como recuperar nossa audição, ele mostra como essa crescente incapacidade auditiva reverbera até mesmo na extrema pobreza e nas guerras pelo globo. O alerta de Julian é um sintoma da nossa percepção de escassez crescente de tempo, que cria um comportamento egocêntrico, limitado e tendendo a ignorar o exterior, mesmo quando são pessoas. “Estamos impacientes e insensíveis”, diz ele, “e um mundo onde não ouvimos uns aos outros, é um lugar deveras assustador“.

Especialista em som e consultor de empresas, Treasure cita o papel da tecnologia e da mídia em nossas mudanças culturais e pessoais, que chegam agora a influenciar decisivamente nossa capacidade de ouvir, literal e figurativamente. “Nossa mídia tem que gritar esses tipos de manchetes para atrair nossa atenção. E isto significa que é mais difícil para nós prestar atenção à quietude, ao sutil, ao discreto“.

A apresentação de Treasure suscita a reflexão sobre duas potenciais causas dessa perda de percepção exterior: 1) nossa percepção equivocada de uma crescente escassez do tempo e espaço, e 2) nossa incapacidade de tolerar o que não gostamos e uma obsessão por reproduzir o que gostamos. Isso fecharia os sentidos para a percepção do todo, para a possibilidade do silêncio e da contemplação.

A perda da capacidade de ouvir é também a perda da capacidade de se importar com o outro e de servir o outro. Exatamente Como fazemos num ambiente inteiro fechado em um ipod, sem sons externos; ou num momento trivial no trânsito onde a capacidade de buzinar é maior que a de esperar; ou em nossa pressa sem intervalos onde nossa agenda particular é sempre mais importante e urgente que a do outro; ou numa desculpa qualquer que sempre cabe no lugar de uma lembrança que não aconteceu.

“Acredito que todo ser humano precisa escutar conscientemente para viver plenamente – conectado em espaço e tempo ao mundo físico ao nosso redor, conectado em entender um ao outro, sem mencionar conectado espiritualmente, porque todo caminho espiritual que conheço pratica a escuta e a contemplação em sua essência.”
~ Julian Treasure

Assuntos desse conteúdo
, ,
Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog e terapeuta na Hridaya Terapia, em São Paulo.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *