“Todos tem uma vocação ou missão de vida específica”, Viktor Frankl

Aos homens não basta saber que existem, mas para quê existem“.
~ Viktor Prankl

O neurologista e psiquiatra austríaco Viktor Frankl, fundador da Logoterapia, é homenageado esta semana pelo escritor brasileiro Paulo Coelho em seu blog, e eu gostaria de copiar e estender a homenagem. Viktor tem um legado precioso na pesquisa da natureza e das buscas do ser humano, e uma interessante discordância com as escolas mais aclamadas de Psicanálise, como a de Freud e Adler, dedicando-se às questões existenciais e espirituais como algo maior e mais essencial para o homem (do que uma questão do ego). A busca por significado, segundo ele, vem desde a juventude e permanece durante toda a vida como uma questão central.

Abaixo, frases traduzidas do post de Paulo Coelho. E, na sequência, um vídeo de Viktor Frankl pela Lifespan Learning Institute.

“Tudo pode ser tirado de um homem exceto uma coisa: a última das liberdades humanas — escolhe a própria atitude em qualquer circunstância, escolher seu próprio caminho.

Entre o estímulo e a resposta há um espaço. Nesse espaço está nosso poder de escolher nossa resposta. Em nossa resposta está nosso crescimento e nossa liberdade. Todo homem é questionado pela vida; e ele só pode responder à vida respondendo à sua própria vida; e à vida ele só pode responder sendo responsável.

Todos tem uma vocação ou missão de vida específica; todos deve carregar sua incubência concreta que exige realização. Por isso ninguém pode ser substituído, nem pode ter sua vida repetida, e assim, a tarefa de cada um é única assim como sua oportunidade específica de executá-la.”

Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog e terapeuta na Hridaya Terapia, em São Paulo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *