O debate de “Everything Is Miscellaneous” com “The Cult of Amateur”

Embora as duas coisas não sejam necessariamente opostas, neste debate do Picnic 2007 elas estavam. De um lado, David Weinberger, autor de “Everything Is Miscellaneous” e admirador de uma web diversa, democrática, re-organizável e feita pelo usuário; do outro, Andrew Keen, autor de “The Cult of Amateur” e admirador da mídia como entidade organizadora, simplificadora e de autoridade, assim como dos experts e avesso a uma web como mídia democrática. O mediador é Walt Mossberg, jornalista do The Wall Street Journal, que tende mais a um dos lados. O vídeo tem o total de 1h24min (ou seja, é bem longo) e inclui a apresentação integral de Weinberger (até 47min) e o debate em si (do minuto 48 até o final).

Só gostaria de acrescentar que a própria classificação de usuários como “amadores” é questionável, e além de dividir subjetivamente (e não apropriadamente) os usuários em dois grupos, desqualifica um deles como construtor de conhecimento ou gerador de informação relevante (o que, implicidamente, também restringe o conceito de relevância). É obviamente um debate sobre a natureza da economia e cultura contemporâneas misturado com o debate da autoridade e papel da mídia tradicional, e talvez o que una as duas é a capacidade de comparar um como evolucionário e o outro como reacionário. Com vocês, David Weinberger:

Assuntos desse conteúdo
Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog e terapeuta na Hridaya Terapia, em São Paulo.

1 Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *