Perdoar é quebrar o ciclo da vingança, de ódio e de ressentimento: o perdão explicado por Matthieu Ricard

Para algumas abordagens psicológicas e visões e escolas espiritualistas, o perdão é uma das partes mais importantes do caminho do auto-conhecimento e da busca do fim do sofrimento, não apenas como prática para as relações humanas no mundo, mas como compreensão e libertação interior. A visão budista sobre importância de perdoar é explicada sucintamente pelo monge Matthieu Ricard neste vídeo da Shining Hope Foundation de 2min abaixo (legendado em português), onde ele fala gentilmente da inevitabilidade do resultado das ações de cada um de nós. “O perdão não é um cheque em branco que você dá a alguém que tenha feito algo errado“, diz Matthieu, “é sobre quebrar o ciclo de vingança“.

Os ensinamentos budistas tratam do perdão de forma múltipla, como através do desenvolvimento de metta (amor), de compaixão (karuna), e, talvez principalmente, do trabalho sobre a raiva. No Bala-Pandita Sutta (e também no Accaya Sutta), o Buda teria dito que no mundo existiam dois tipos de tolos: “aquele que não vê enxerga sua própria transgressão como transgressão, e aquele que não perdoa corretamente o outro que confessou sua transgressão“.

Jack Kornfield, um eminente professor de meditação budista, disse numa entrevista que “o perdão é absolutamente essencial“. Uma frase atribuída à Madre Teresa de Calcutá (1910-1997) diz que “se nós realmente queremos amar, temos que aprender a perdoar“. A lista de ensinamentos e menções à importância dessa ação é infindável, e há movimentos como o do Um Curso em Milagres que colocam o perdão numa posição absolutamente central do trabalho sobre si mesmo. “O perdão é o ato radical que diz: isso pára comigo“, diz Kornfield.

Abaixo o vídeo com Matthieu Ricard falando sobre o perdão (2min), legendado em português:

//////////

Assuntos desse conteúdo
, ,
Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog, terapeuta na Hridaya Terapia (São Paulo) e proprietário do Dharma Office.

7 Comentários

  • Nando, muito, muito obrigado pela mensagem de hoje meu irmão.
    Estava muito necessitado de ler uma mensagem sobre isso: o perdão!
    Ótimo dia pra nós.
    Abraço.

  • A respeito do perdão-
    Para mim, o perdão é viável, admissível, tão somente em se tratando de relacionamentos.
    Aos criminosos da história, em se tratando de perdão é iverossímel! Seus atos criminosos acarretam tantas barbáries, outros terremotos e tsunamis na caminhada da humanidade, que, “a cada um será dado segundo suas obras”!
    Sem perdão!

    • o engraçado do perdão é quando voce sente que fez algo de mal para uma pessoa e depois pede perdão, ela simplesmente te da um tapinha no ombro e fala ta perdoado, mas é ai que vem a vingança o retorno ,o troco vamos dizer assim, ou a justiça de Deus ou homem vai te condenar, o que mais me adimira e voce falar que o ser humano por seus ¨pecados ¨ vamos dizer assim causa terremotos e tsunamis na caminha da humanidade, se olharmos para tras e ver quem promoveu o diluvio e a destruição de civilizaçoes e cidades segundo a biblia foi o proprio Deus que o fez por existir pessoas que tivesse pensamentos diferentes ou que segundo a lei da epoca pecase, vejamos o tempo da inquisição, indugencias, vejamos as guerras por territorios,ganacia poder. eu segundo a biblia ja pequei, ja pedi perdão e continuo pecando por ser humano de carne e osso e sangue que corre nas minhas .sou imperfeito, nasci assim um dia vou morrer. pelo meu biotipo da familia aos 80 ou 90 anos, acredito em Deus, não sei de onde veio este Deus que acredito, mas tenho minha conequição com ele por mais que falem ao contrario, estou feliz comigo mesmo e a minha familia. não roubo nem mato e nem construo armas de fogo, quimica, bombas seja ela de que escalhao for e vivo com a minha conciencia em paz, não sou preconceituoso, e o unico mal que tenho e de dormir 4 horas por dia que para os psiquiatras e considerado insonia ,deve ser porque não tenho trabalho no momento, não ha renda suficiente para me se sustentar então fico preocupado. então o perdão maior vem de dentro da propria pessoa mesmo quando isso acontece a dadiva esta a seu favor. me desculpe se escrevi demais, mas é porque estou um pouco inspirado hoje, abraços e que a humanidade se realize em todos os sentidos que a tormenta.

Deixe uma resposta para Andreia Menezes Rodrigues Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *