Ser realista, ser gentil e meditar: B Alan Wallace simplifica o caminho para superar aflições e sofrimento [VÍDEO]

O vídeo abaixo é a resposta do estudioso, mestre e autor budista americano B. Alan Wallace à pergunta que lhe fizerem durante um retiro no Brasil, em janeiro de 2011: “Existem muitos brasileiros interessados na prática da meditação, mas que não têm conexão com o budismo. E outras pessoas que não veem sentido em meditar ou se engajar em alguma prática espiritual. O que o professor tem a dizer para elas?

Em 4min42seg, Alan Wallace fala de não causar sofrimento aos outros, de buscar a causa da felicidade de maneira realista e não iludida, e também de meditação e um de seus significados, que é o de “cultivar“.

De forma geral, muitos de nós, na maior parte do tempo, estamos sempre olhando para fora, pensando: “Alguém vai me fazer feliz”, “Algum trabalho vai me fazer feliz”, “Algum lugar vai me fazer feliz,” “Alguma posse vai me fazer feliz”. Mas na medida que crescemos e amadurecemos, vemos que nada daquilo é verdade. Ninguém lá fora pode nos fazer felizes de verdade. Nenhuma aquisição, nenhum emprego… É óbvio. E quanto mais cuidadosamente nós olhamos, mais óbvio se torna.
~ B Alan Wallace

A transcrição completa pode ser lida no site da revista Bodisatva.

Segue o vídeo (com legendas em português embutidas):

★ Para ver mais de B Alan Wallace, visite o post “Nosso estado mental normal é um “distúrbio obsessivo compulsivo delusório”: Alan Wallace e o controle da mente“, de junho de 2012.

//////////

Assuntos desse conteúdo
, ,
Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog e terapeuta na Hridaya Terapia, em São Paulo.

8 Comentários

Deixe uma resposta para Edna Alves Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *