“Estamos vivendo uma época única onde todos são forçados a ser uma espécie de filósofo”, diz Slavoj Zizek

Acho que o que o filósofo esloveno Slavoj Zizek (Em Defesa das Causas Perdidas, A Visão em Paralaxe) fala abaixo sobre como a filosofia acontece hoje no mundo, bem diferentemente da época de Sócrates e Aristóteles, é o que todos nós enfrentamos em nossas vidas de fato, cada vez mais: questões e problemas cotidianos cujas raízes estão dentro de questões filosóficas que se fazem necessárias e não são mais atributos dos estudiosos do pensamento. Considerado um dos maiores intelectuais da Europa hoje, Zizek diz que o avanço tecnológico e científico como a biotecnologia nos fazem pensar profundamente na natureza, em como vemos o mundo, como o defendemos, o que pensamos que somos e daí por diante. As duas respostas que Zizek abaixo foram tiradas e traduzidas do livro “Conversations with Zizek” (Wiley-Blackwell, 2004), escrito em conjunto com Glyn Daly.

Segue o trecho.

//////////

Slavoj Zizek & GLyn Daly, “Conversatins with Zizek”.

A que ponto os parâmetros da filosofia mudaram na era contemporânea?

Žižek: Eu não acho que a filosofia possa mais realizar nenhum dos seus papéis tradicionais, como estabelecer os fundamentos da ciência, construir uma ontologia geral e daí por diante. Em vez disso, a filosofia deveria simplesmente preencher sua tarefa de questionamento transcendental. E esse papel é mais necessário que nunca hoje. Por que? Porque, pra colocar em termos suavemente patéticos, hoje vivemos num tempo extremamente interessante onde uma das consequências principais dos desenvolvimentos da biogenética, clonagem, inteligência artificial e essas coisas é que pela primeira vez talvez na história da humanidade nós temos uma situação em que o que eram problemas filosóficos agora são problemas que são de todo mundo, que são discutidos amplamente em público. As intervenções biogenéticas, por exemplo, confrontam diretamente nossas questões relacionadas ao livre arbítrio, à idéia da natureza e do ser natural, da identidade pessoal, para citar algumas. Nosso tempo é um em que estamos sendo confrontados cada vez mais com problemas que são em última análise filosóficos por natureza.

De certa maneira, você diria que numa era de biogenética/cyberespeaço está a era da filosofia?

Žižek: Sim, e na era da filosofia no sentido, novamente, que somos confrontados mais e mais com os problemas filosóficos de nível cotidiano, diário. Não acontece de você se ausentar da vida diário para um mundo de contemplação filosófica. Ao contrário, você não consegue encontrar uma maneira de desviar da vida diária sem responder certas questões filosóficas. É uma época única onde todo mundo é, de uma maneira, forçado a ser uma espécie de filósofo”.

Assuntos desse conteúdo
,
Escrito por

Jornalista autor do Dharmalog e terapeuta na Hridaya Terapia, em São Paulo.

2 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *